quarta-feira, 19 de maio de 2010

Actuação em Dalvares

Casa do Paço de Dalvares antes da restauração


Actuação em Dalvares em 1991

Eira da Casa do Paço de Dalvares, local de actuação

Dia 15 de Maio de 2010, mais uma actuação do Grupo Etnográfico da Gafanha da Nazaré. Desta vez fomos até ao concelho de Tarouca, mais propriamente à freguesia de Dalvares, situada no, como eles lhe chamam, Vale Encantado. Dista 2,5Km da sede do concelho, ficando situada na margem esquerda do rio Varosa e no sopé do monte de Santa Bárbara.
Ao chegarmos fomos visitar a Casa do Paço de Dalvares (ou Quinta), que é um edifício senhorial datado do séc. XIII, onde funciona o Museu do Espumante. Ali pudemos ficar a conhecer todo o processo artesanal do fabrico do espumante. Como nesta região é produzido o espumante Murganheira, foi esse mesmo que nos foi serviço numa sessão de prova. É também neste espaço da Casa do Paço de Dalvares que a Confraria do Espumante tem a sua sede. Esta casa encontrava-se em estado avançado de degradação e foi recuperada em 2006.
Também é de salientar a bonita paisagem que o referido vale nos proporciona, com as muitas árvores de sabugueiro que nesta época estão em flor. Para quem não sabe, o sabugueiro é uma árvore de pequeno porte que serve para fazer os mais diversos chás, sendo as folhas, as flores e as bagas as partes mais utilizadas.
Após a visita à casa, houve uma pequena recepção na sede da Junta de Freguesia, seguindo-se o jantar. Logo após o mesmo, deu-se início ao festival, com troca de lembranças. Neste festival participaram os seguintes grupos: Rancho Folclórico da Landeira, Rancho Folclórico de São Salvador da Folgosa, Rancho Folclórico de Tavira, Grupo de Danças e Cantares da Ilha de Menorca - Espanha, Rancho Folclórico Flor do Sabugueiro e o Grupo Etnográfico da Gafanha da Nazaré.
Foi um bom festival em que participaram bons Grupos mas, em que a organização teve algumas falhas, que facilmente poderiam ser corrigidas, nomeadamente na visita à Casa do Paço, pois tudo deveria estar preparado para a visita dos grupos e não foi isso que aconteceu. A recepção na Junta de Freguesia teve alguma demora devido ao facto de termos estado à espera dos políticos, que era escusada, já que no palco voltaram a fazer troca de lembranças.
Todo o restante esteve muito bem, uma boa noite de folclore com uma superior apresentação do nosso já conhecido Miguel de Almeida. De salientar também que já é a segunda vez que vamos a este festival de folclore e que dançamos precisamente no mesmo sitio, a eira da Casa do Paço. A única diferença é que agora está totalmente recuperada, enquanto há alguns anos estava em ruínas.
Por hoje é tudo, até à próxima actuação que será em 29 de Maio, em Taveiro, Coimbra.

Até lá!
Boas leituras
Rubem da Rocha

2 comentários:

Manuelino Oliveira disse...

Gostei de ver novamente o vosso "Rancho" nas Terras do Vale Encantado, no Festival de folclore "Sabugueiro em Flor/2010" - Dalvares.
Como captei algumas imagens dos Grupos presentes no Festival, podereis vê-las seguindo os links em www.dalvares.blospot.com
(Um habitante de Dalvares)

Duarte disse...

É bom recordar o vosso Grupo pela segunda vez, recordo ainda a presença do nosso grupo no vosso festival há muitos anos.
Foi uma batalha dura, mas o slogan de ontem "recuperar a casa do Paço e preserva la", foi conseguido.
Bem hajam pela vossa presença nas terras do vale do varosa e da capital do sagugueiro em Flor.
Um abraço amigo Duarte morais

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails